Quais marcas você consome?

 

 

 

Ei, você ai! Já parou para pensar em quais marcas você consome? Estamos consumindo o tempo todo e muitas vezes nem nos damos conta, por ser uma atividade habitual. Só lembramos das marcas na hora de marcar no Instagram ou quando alguma coisa dá errado e precisamos buscar os nossos direitos. Pois hoje eu venho te propor um desafio!

Já imaginou a quantidade de marcas que a gente consome ao longo de toda nossa vida? Imagina só listar tudo isso. Pois eu tive que fazer isso, e te convido a fazer o mesmo! Este é um daqueles trabalhos da faculdade que te marcam e você não consegue simplesmente esquecer depois da entrega. Senti que precisava compartilhar  esta experiência, para que outras pessoas tirassem um pouquinho do dia delas para refletir também.

Se você chegou agora e não me conhece, eu faço jornalismo. E este ano estou fazendo uma matéria chamada Mídia e Consumo, na qual recebemos a seguinte tarefa: contar a história de nossa vida, do nascimento até a chegada a universidade, a partir das marcas que consumo (i)  em uma linha do tempo criativa. 

O primeiro desafio foi lembrar as marcas: comecei a partir deste ano, até chegar ao meu nascimento. Este foi o período mais fácil porque eu  me lembrava da maioria por serem mais recentes. Porém quanto mais o ano ia passando, mais difícil ia ficando. Contei com a ajuda dos álbuns fotográficos para me lembrar, e durante algum tempo funcionou. Porém algumas etapas da minha vida não foram registradas e como eu não lembrava era um verdadeiro “limbo”.

 

Outra coisa que me deixou intrigada foi quando eu percebi o quanto a tecnologia havia afetado a minha vida. Afinal, que revela fotos e cria álbuns físicos hoje em dia? Muitas das minhas fotos se perderam justamente porque eu publicava na internet, não salvava e acabei não revelando. Como as do tempo do orkut, não sei pro bem ou pro mal, mas eu não salvei as fotos com o fim da rede social e resultado: não lembro de nada daquela época.

Como era de se esperar, eu não tenho fotos registrando tudo o que consumi na minha vida. Mas eu tenho alguns objetos e ou lembrava de situações e decidi recria-lás.  Todo esse material virou a minha linha do tempo desconstruída . Criei um perfil no Instagram e separei as marcas em anos, a partir daquelas postagens em que possível compartilhar 10 fotos ou 10 videos de uma vez. Como algumas fotos não são tão obvias, a explicação está toda na legenda. Dá só uma olhada como ficou:

 

 

 

Escolhi o Instagram justamente por causa das fotos, para poder mostrar que realmente consumi aquelas marcas de fato. Além disso, como em outra postagem qualquer eu marquei as marcas que estavam em cada foto. A fim de criar uma linguagem, cada legenda apresenta o ano daquelas fotos e qual idade eu tinha na época.

Foi um dos trabalhos mais legais que eu já tive, principalmente por reviver cada etapa da minha vida. Além disso, por me fazer para pensar nas marcas que estão a minha volta. Fora as que não estão listadas aqui.  Para visualizar as outras fotos basta procurar no Instagram @tuamarcamedefine ou clicar aqui

 

E você o que achou?

Vai fazer também? Me manda nos comentários!

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s